Estudo das alterações funcionais do filme lacrimal em fumantes e não fumantes

Ana Beatriz Soares Cid Parente, Luiz Henrique Gagliani

Resumo


O propósito deste estudo é determinar se existe uma alteração quantitativa na produção lacrimal em indivíduos fumantes e se esta alteração é dependente da dose de exposição. Foram estudados 58 homens classificados em um de quatro grupos, segundo o consumo de cigarros: Grupo Não fumantes, Grupo Fumante leve (até 10 cigarros/dia), Grupo Fumante Moderado (11 a 20 cigarros/dia) e Grupo Fumante Pesado (mais de 21 cigarros/dia), com n = 16, 13, 17 e 12, respectivamente. Todos os participantes foram examinados através do teste de Schirmer, após anestesia prévia para avaliação do lacrimejamento basal. A análise da classificação categórica mostra que, nesta amostra, existe uma associação entre a quantidade de cigarros consumida diariamente e classificação do indivíduo como Normal ou Olho Seco pelo teste de Schirmer (p< 0,001). A análise de variância dos dados indica que o lacrimejamento observado no teste de Schirmer é significativamente menor nos fumantes moderados quando comparados aos não fumantes e também é menor nos fumantes pesados quando comparados com os não fumantes e fumantes leves (p<0,001). O teste de regressão linear mostrou que há uma relação de dependência (inversamente proporcional) entre a diminuição do lacrimejamento observado no teste de Schirmer e o aumento da quantidade de cigarros consumida diariamente (p< 0,001). A análise dos sintomas referidos pelos participantes mostrou que não há diferença na prevalência de sintomas entre os grupos não fumantes e fumantes leves; por outro lado, a prevalência de sintomas é maior no grupo fumante moderado em relação ao fumante leve e não fumantes, apresentando valores máximos no grupo de fumantes pesados.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista UNILUS Ensino e Pesquisa - RUEP

ISSN (impresso): 1807-8850
ISSN (eletrônico): 2318-2083

Periodicidade: Trimestral

Primeiro trimestre, jan./mar., limite para publicar a edição - 30 de junho
Segundo trimestre, abr./jun., limite para publicar a edição - 30 de setembro
Terceiro trimestre, jul./set., limite para publicar a edição - 31 de dezembro
Quarto trimestre, out./dez., limite para publicar a edição - 31 de março

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

Indexadores

 

Estatística de Acesso à RUEP

Monitorado desde 22 de novembro de 2016.