Efeitos da hialuronidase em comparação a outros métodos de indução do trabalho de parto: uma revisão da literatura

Matheus Barreiros Neves, Maurício Pereira Gouvinhas, Thiago de Arruda Souza

Resumo


Com a evolução da obstetrícia, o obstetra deve tomar a decisão entre cesárea e indução do parto juntamente com a paciente, salve casos de risco. Para isso hoje existem diversos meios de indução do parto a partir do amadurecimento do colo uterino e contração do mesmo, entre os mais utilizados o misoprostol, a ocitocina e alguns meios mecânicos como a sonda de Foley, os quais tentam conciliar custo e beneficio principalmente no que se refere a custo por dose e efeito, conforto da paciente e efeitos colaterais sobre a gestante e sobre a criança. Existe também outro método, o qual não é muito utilizado, pois existem poucas pesquisas aprofundadas a respeito do mesmo, a hialuronidase. Já é de conhecimento que a hialuronidase é uma grande auxiliadora do parto, pois promove o amadurecimento do colo uterino, porém existem certas desvantagens em seu uso em comparação com os métodos comumente utilizados hoje em dia, como por exemplo, a não indução do parto propriamente dito. No entanto, ainda existem pesquisas que podem ser efetuadas de maneira a aprofundar o conhecimento da hialuronidase, de modo que seu uso se torne tão viável quanto o misoprostol e a ocitocina, por exemplo, ou ainda mais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista UNILUS Ensino e Pesquisa - RUEP

ISSN (impresso): 1807-8850
ISSN (eletrônico): 2318-2083

Periodicidade: Trimestral

Primeiro trimestre, jan./mar., limite para publicar a edição - 31 de maio
Segundo trimestre, abr./jun., limite para publicar a edição - 31 de agosto
Terceiro trimestre, jul./set., limite para publicar a edição - 30 de novembro
Quarto trimestre, out./dez., limite para publicar a edição - 31 de março

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

Indexadores

 

Estatística de Acesso à RUEP

Monitorado desde 22 de novembro de 2016.